17/07 Prefeitura recolhe cavalos abandonados nas ruas 17/07 Secretaria de Educação convida vereadores e apresenta balanço e projeções para 2018 17/07 Em dia de doação, Guaíba coleta 102 bolsas de sangue para Hemocentro 17/07 Prefeitura promove atividades especiais nas férias de julho 11/07 Secretaria de Assistência Social recebe capacitação para implantar a ID Jovem 11/07 Guaibenses aproveitam mais um fim de semana de atividades culturais 11/07 Alterações no trânsito em razão de obras da rotatória da Nestor de Moura Jardim 06/07 CAPS Álcool e Drogas tem capacidade de atendimento ampliada 04/07 Unidade móvel do Hemocentro estará em Guaíba na próxima terça-feira (4) 04/07 Saiba o que Guaíba ganha com o novo CT do Internacional 04/07 Posto da Primavera/São Jorge realiza dia extra de atendimentos 27/06 Prefeitura aprova projeto de CT do Internacional em Guaíba 27/06 Servidores e professores municipais iniciam curso de Libras 22/06 Prefeitura busca solução para evitar pontos de alagamentos 22/06 Clima de amizade marca abertura da 28ª edição dos Jogos Estudantis das Escolas Municipais 20/06 Prefeitura entrega mais de 300 itens para os Bombeiros 20/06 Prefeitura reduz fila de espera por exames de tomografia 20/06 Só Fumaça é o time campeão da Primeira Divisão de Futsal 08/06 Prefeitura de Guaíba antecipa parcela de 13º para servidores 08/06 28º Feira do Livro de Guaíba encerra com público total de 17 mil pessoas
ECB Sistemas Desenvolvimento Web
ECB Sistemas Desenvolvimento Web Publicidade
Notícias // 22/06/2017

Prefeitura busca solução para evitar pontos de alagamentos

O prefeito José Sperotto, acompanhado do secretário de Obras, Graciano Pereira, e do engenheiro civil José Henrique Pinzon, recorreu ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) para solucionar pontos de alagamentos nos bairros Nova Guaíba, Vera Cruz, São Francisco, Bom Fim, Noli e Columbia City. A reunião aconteceu na superintendência regional do órgão, na Capital.

Um gargalo que cruza a BR-116, no quilômetro 302, tem sido o causador do impasse na região onde vivem mais de seis mil famílias. É necessária a revisão do projeto do bueiro, visto que há canos duplos de 900 milímetros que não estão fazendo a ligação correta com os triplos de 1200 milímetros. Um espaço chegou a desmoronar, o que comprometeu ainda mais o fluxo.

“Não adianta trocar ou acrescentar canos. Isso se resolve instalando galerias. Dessa forma, vamos terminar com as enchentes na região. Estamos aqui em nome dessas famílias, a quem já fizemos várias operações de drenagem e limpezas, mas nosso trabalho só ficará completo com esse ajuste”, ressaltou Sperotto.

Em 2011, foi executado um projeto de macrodrenagem na região, o qual reduziu o problema dos alagamentos. No entanto, após o início das obras da duplicação da rodovia, nos trechos entre os quilômetros 301 e 303, a situação voltou a ocorrer devido à redução da vala lateral existente e ao assoreamento dos bueiros.

“Com os grandes volumes de chuva nas últimas semanas, essa região de Guaíba ficou muito comprometida e diagnosticamos que é devido a esse gargalo”, reforçou Graciano.

O superintendente estadual do DNIT, Hiratan Pinheiro da Silva, e o superintendente substituto, o engenheiro Delmar Pellegrini Filho, deverão analisar o material apresentado pela Prefeitura:

“Todos os projetos da BR-116 que temos foram atualizados em 2009, quando parte desses bairros ainda não existia. Por isso, solicitamos mais dados para reavaliarmos a situação, visitarmos o local e encontrarmos a solução”, explicou Hiratan.

Fotos: Gustavo Gossen

Fonte: Prefeitura de Guaíba 

URL Curta:
Comente esta notícia: