14/04 Inaugurada primeira Unidade Estratégia de Saúde da Família em Guaíba 14/04 Começou nesta segunda a Feira do Peixe de Guaíba 01/04 Guaíba sedia maior festival de música eletrônica do Sul do País 31/03 Assinado contrato de construção da nova ponte do Guaíba 28/03 Final de semana terá o Grito Rock de Guaíba 27/03 Confira o Cronograma de vacinação do HPV nas escolas de Guaíba 26/03 Lombadas garantem maior segurança para o trânsito de Guaíba 25/03 SMAMA promove evento para comemorar o Dia Mundial da Água 24/03 Governador visita obras da empresa Celulose Riograndense 21/03 Executivos Chineses e Brasileiros da Foton visitam Guaíba 21/03 Aula Magna de doação de Orgãos 20/03 Quartel da Brigada Militar é evacuado após falsa ameaça de bomba em Guaíba 20/03 Prefeitura cria Grupo Técnico que vai revitalizar o Mercado Público 17/03 AGF surpreende ACBF e vê grande crescimento no time para 2014 17/03 Multiplicadores Ambientais Mirins recebem certificados 16/03 Academia de Samba Cohab Santa Rita é escolhida como Campeã do Carnaval de Guaíba 15/03 Neste sábado Guaíba realiza Carnaval fora de época 12/03 Governo do Estado quer ser acionista da montadora Foton 11/03 AGF encara a ACBF em jogo amistoso em Carlos Barbosa nesta sexta 10/03 Educação Ambiental é tema em escolas municipais
Publicidade
Polícia // 08/05/2012

Preso suspeito de enterrar viva a ex-namorada em Guaíba

Na manhã de hoje, um homem foi preso em Guaíba suspeito de matar e enterrar a ex-namorada, Vanessa dos Santos, 20 anos. De acordo com o delegado Rafael Soares Pereira, responsável pelo caso, Nilson Ricardo Rodrigues, 30 anos, foi detido em casa por agentes da Polícia Civil, que cumpriram um mandado de prisão preventiva.

No dia 29 de março, a família da vítima registrou o desaparecimento da jovem. Inicialmente, acreditava-se que Vanessa teria fugido após o fim do relacionamento conturbado com Nilson, pois havia sido feito um saque no valor de R$ 500 da conta de Vanessa.

Porém, no dia 25 de abril, uma equipe de uma empresa de celulose estava fazendo uma escavação na BR-116 e encontrou o corpo de uma mulher, já em estado de decomposição. A polícia ainda aguarda o resultado de DNA, mas a família de Vanessa reconheceu as roupas que a jovem usava no dia do desaparecimento. Além disso, foi encontrada uma nota com a assinatura da vítima.

Desde então, a polícia estava monitorando o rapaz através de escutas telefônicas. O delegado Rafael achou necessário interromper o processo e pedir a prisãod e Nilson por temer que houvesse mais vítimas, visto que o homem já estava se relacionando com outras mulheres.


Vanessa desapareceu no dia 29 de março
Foto: arquivo pessoal / arquivo pessoal 

 

Fonte: Diário Gaúcho / Eduardo Torres  

URL Curta:
Comente esta notícia: