07/12 Incêndio atinge píer na Ilha das Flores 07/12 Homem é preso por violência doméstica 05/12 Prisão por receptação de veículo em Eldorado 05/12 Prisão por tráfico de drogas em Guaíba 05/12 Presidente da Celulose Riograndense faz balanço do ano em encontro com jornalistas 29/11 Prefeito pede mais policiamento ostensivo na região do pronto-atendimento 28/11 Quadrilha é presa em Guaíba 25/11 Ford aceita pagar R$ 216 milhões ao RS 22/11 Festival de Verão traz diversos shows no Itapuí 21/11 Divulgado o cronograma das vagas na Educação Infantil 21/11 Três homens são presos por tráfico de drogas 18/11 Prefeitura de Eldorado do Sul inaugura UBS 18/11 Prefeitura rompe contrato com empresa que constrói creches do proinfância 17/11 Prefeito eleito Sperotto apresenta secretários para seu Governo 15/11 Localizado carro irregular em Guaíba 08/11 Estão abertas as inscrições para educação infantil municipal 07/11 Lideranças de Guaíba reivindicam Delegacia da Receita Estadual 07/11 Educação promove palestra de combate ao racismo 03/11 Corpo de idoso é encontrado no bairro Bom Fim 03/11 COMDICA promove reunião nesta sexta-feira (4)
ECB Sistemas Desenvolvimento Web
ECB Sistemas Desenvolvimento Web Publicidade
Polícia // 08/05/2012

Preso suspeito de enterrar viva a ex-namorada em Guaíba

Na manhã de hoje, um homem foi preso em Guaíba suspeito de matar e enterrar a ex-namorada, Vanessa dos Santos, 20 anos. De acordo com o delegado Rafael Soares Pereira, responsável pelo caso, Nilson Ricardo Rodrigues, 30 anos, foi detido em casa por agentes da Polícia Civil, que cumpriram um mandado de prisão preventiva.

No dia 29 de março, a família da vítima registrou o desaparecimento da jovem. Inicialmente, acreditava-se que Vanessa teria fugido após o fim do relacionamento conturbado com Nilson, pois havia sido feito um saque no valor de R$ 500 da conta de Vanessa.

Porém, no dia 25 de abril, uma equipe de uma empresa de celulose estava fazendo uma escavação na BR-116 e encontrou o corpo de uma mulher, já em estado de decomposição. A polícia ainda aguarda o resultado de DNA, mas a família de Vanessa reconheceu as roupas que a jovem usava no dia do desaparecimento. Além disso, foi encontrada uma nota com a assinatura da vítima.

Desde então, a polícia estava monitorando o rapaz através de escutas telefônicas. O delegado Rafael achou necessário interromper o processo e pedir a prisãod e Nilson por temer que houvesse mais vítimas, visto que o homem já estava se relacionando com outras mulheres.


Vanessa desapareceu no dia 29 de março
Foto: arquivo pessoal / arquivo pessoal 

 

Fonte: Diário Gaúcho / Eduardo Torres  

URL Curta:
Comente esta notícia:
Publicidade
TV Costa Doce

Móveis catarinense
Curta o Portal no Facebook
Publicidade
Guaiba Telecom