30/08 Podas são proibidas em Guaíba 30/08 Áreas de apoio são recuperadas na duplicação da BR-116/RS 30/08 Edinho é homenageado nesta quarta-feira 30/08 Rifle é apreendido em Eldorado do Sul 25/08 Preso suspeito de participar de estupro coletivo 23/08 Ladrão de desodorantes é preso 23/08 Adolescente infrator é apreendido em Guaíba 19/08 Suspeito de estupro de vulnerável é preso em Guaiba 19/08 Operação combate o furto e roubo de gado 19/08 Revolver calibre .38 é apreendido 18/08 Polícia encontra depósito de desmanche em Guaíba 13/08 Suspeitos de roubo são presos com carro clonado 13/08 Prefeitura de Guaíba faz mutirão para retirada de entulhos 13/08 Volta às aulas com a educação ambiental da BR-116/RS 09/08 Protesto causou bloqueio na BR-290 09/08 AGORA: manifestação na BR-290 08/08 Estações de Bombeamento de Esgoto são apresentadas 07/08 Pokémon GO atrai fãs guaibenses 04/08 Projeto Juventude em Ação será iniciado 02/08 Campanha de segurança no trânsito se encerra nesta semana
Publicidade
Romualdo Furtado

Turistas e a Orla

Ontem fui jurado do concurso "Prefeito por um dia". Li 15 redações escritas por alunos da oitava série. Textos surpreendentes, pequenas pérolas. Duas mulheres venceram. As mulheres sempre vencem. Uma será Prefeita e a outra vice por um dia.

O tema das redações era o Catamarã. Invariavelmente as redações sugeriam melhorias em nossa orla, mais atrativos, mais diversão, mais opções gastronômicas.

Vem aí a reforma da praça, a remoção dos camelôs o asfaltamento da beira, mas ainda é muito pouco. Em recente conversa com Henrique Tavares numa destas tardes em seu gabinete, lhe disse que a Prefeitura deveria dar incentivos fiscais para quem quiser estabelecer bar ou restaurante na orla do Guaíba. Pouco ou nada adianta cobrar dos atuais comerciantes que adéquem horários. Cada um sabe como trabalhar o que é seu. Mas é importante que ao invés de lojas de tintas, a beira receba o comércio voltado para a gastronomia, cultura e diversão.

Temos uma pérola em nosso baú. Podemos ser uma Colônia de Sacramento, com a Otaviano e a João Pessoa revitalizadas, repintadas e melhor iluminadas. Existe o exemplo da João Alfredo, na Cidade Baixa. O bom é que o Prefeito concordou comigo. Quem tem a caneta é ele. E eu nem cobro pelas ideias.

Se eu fosse...

Ah, se eu fosse prefeito por um dia a primeira coisa que eu faria é ver se não tem um congreso e Maceió. Nunca votem em mim.

Começou cedo

A semana foi sobre boatos de impugnações. Todos os anos são assim. Já vi este filme dezenas de vezes. Sempre aparecem os que garantem que este ou aquele candidato não poderá concorrer devido ao tribunal de contas, a lei da ficha limpa, o ministério público o tempo chuvoso, a Tonga da Mironga do Capuletê e sei lá mais eu o quê. No fim todos concorrem e os mesmos se elegem. Vão por mim.

URL Curta:
Comente esta notícia:
Publicidade
TV Costa Doce

Móveis catarinense
Curta o Portal no Facebook
Publicidade
Guaiba Telecom